Defensora Pública ministra palestra a alunos que participam do projeto Conhecendo a Alfândega

Categoria: Educação, Galeria, Geral, PUBLICAÇÕES | Publicado: terça-feira, agosto 20, 2019 as 12:04 | Voltar

Os alunos do 9º ano da Escola Municipal João Nepomuceno estrearam a participação das escolas municipais na segunda edição do projeto “Conhecendo a Alfandega”, que vai até o mês de novembro, em Campo Grande. Durante a visitação na sede da Receita Federal do Brasil, ocorrida na última segunda-feira (19), os estudantes assistiram a palestra da diretora da Escola Superior da Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul (ESDP), a defensora pública, Camila Maués dos Santos Flausino, que discorreu sobre o "Papel da Defensoria Pública".  “Eu fico realmente emocionada, pois, é um trabalho belíssimo de vocês, e vai ao encontro  dos propósitos da Defensoria Pública. A   gente se apresenta enquanto instituição justamente para fomentar, o exercício da cidadania que é um dos nossos compromissos, bem como falar sobre educação e direitos", disse.

Na oportunidade, Camila Maués acrescentou que a instituição está de "portas abertas". "Ao conhecer o projeto fiquei impactada com a grandeza, e o quanto a educação tem o poder transformador. É emocionante ver o trabalho que a Secretaria de Fazenda de MS faz por meio desse projeto realizado por vocês da Unidade de Educação Fiscal, Receita Federal, e Secretaria de Estado de Educação. É uma força se unindo a outra para um bem maior que é o fortalecimento da cidadania. Conte sempre conosco, pois isso realmente também faz brilhar os nossos olhos ”, ressaltou.

A segunda fase do projeto “Conhecendo a Alfandega” retomou as atividades em abril deste ano, com a participação dos alunos de escolas estaduais, no primeiro semestre. Neste segundo semestre a iniciativa conta com a presença de alunos de escolas da Capital e de localidades distritais de Campo Grande.  O projeto integra o cronograma de ações do Programa Estadual de Educação Fiscal de Mato Grosso do Sul (PNEF/MS) da Secretaria Estadual de Fazenda (SEFAZ), por meio da Unidade de Educação Fiscal. “No decorrer do nosso projeto oportunizamos a participação de outras instituições para ministrar palestras aos  alunos, porque temos um espaço democrático que visa única e exclusivamente formar cidadãos conscientes”, afirmou o coordenador de projetos da Unidade de Educação Fiscal da SEFAZ/MS, Carlos Roberto Antunes.

 

Texto: Ana Rita Chagas

Publicado por: Ana Mendes

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.